Ad Code

Estádio La Bombonera é interditado após excesso de público em jogo das Eliminatórias da Copa

 

Foto: Luis Robayo / AFP



Boca Juniors informou, na noite de quinta-feira (16), através de suas redes sociais, que o órgão de controle governamental do GCBA (Governo da Cidade de Buenos Aires) decidiu que o Estádio da Bombonera fosse interditado. O motivo foi o excesso de público na partida entre Argentina e Uruguai, válida pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2026. O Uruguai venceu o jogo por 2 a 0, com gols de Ronald Araújo e Darwin Núñez. 

O time da Argentina não aceitou a justificativa, negou o que foi afirmado sobre o público ter ultrapassado o limite e se pronunciou afirmando que a ação "demonstra animosidade contra a instituição, algo que foi sugestivamente reiterado em diversas ocasiões até agora neste ano".


"Orgulhoso de ter recebido os campeões mundiais em casa, em clima de festa e com total normalidade, o Clube Atlético Boca Juniors comunica que, apesar de não ter ultrapassado a capacidade máxima do estádio, o órgão de controle governamental do GCBA decidiu, finalizou a reunião, o fechamento de La Bombonera por alegar que sua capacidade havia sido excedida. Dadas as circunstâncias do caso, o clube considera que esta ação demonstra animosidade contra a instituição, algo que foi sugestivamente reiterado em diversas ocasiões até agora neste ano", escreveu o clube nas redes sociais.


Foto: Juan Mabromata / AFP

SOBRE O JOGO

O Uruguai enfrentou a Argentina na quinta-feira (16) e saiu de campo com a vitória. Ronald Araújo e Darwin Núñez fizeram os gols da primeira vitória uruguaia desde a Copa do Mundo. Com o resultado, a Argentina fica com 12 pontos e ocupa o 2º lugar. Por outro lado, o Uruguai agora assuma a 10ª posição. 

A Argentina agora vai enfrentar o Brasil na terça-feira (21), às 21h (de Brasília), no estádio Maracanã, no Rio de Janeiro.





Fonte: Diário do Nordeste


Postar um comentário

0 Comentários

Ad Code

Responsive Advertisement