Ad Code

Beijo forçado: presidente da Federação Espanhola de Futebol pediu a jogadora que gravasse vídeo a seu lado.

Foto: David Grey/ AFP
 




O presidente da Federação Espanhola de Futebol, Luis Rubiales, pediu à jogadora espanhola Jenni Hermoso - em quem deu um beijo forçado - que gravasse um vídeo respaldando a versão do dirigente de que se tratou apenas de um gesto de amigos, segundo uma reportagem do site espanhol "Relevo" publicada nesta quarta-feira (23).

Hermoso negou o pedido. 
Rubiales deu um beijo na boca de Hermoso durante a entrega de medalhas na final da Copa do Mundo feminina, na Austrália, da qual a Espanha foi campeã. O gesto ocorreu ainda dentro de campo, ao lado da rainha Letizia da Espanha e sua filha, a infanta Sofia.

De acordo com a reportagem do "Relevo", Rubiales abordou Hermoso no avião no qual as jogadoras da seleção, parentes e a delegação da Espanha voltavam a Madri após a vitória na Copa da Mundo da Austrália.

A ideia era que a jogadora aparecesse ao lado de Rubiales em um vídeo em que ele pediria desculpas mas explicasse, com o respaldo de Hermoso, que foi um gesto entre amigos e consensual. Na ocasião, o dirigente pediu ainda à jogadora que fizesse isso pelas filhas dele, já que sabia que a forte repercussão do caso pode significar sua demissão.

Mas, ainda segundo a reportagem, feita com base em fontes que estavam no voo, Jenni Hermoso negou o pedido. Ele gravou sozinho o vídeo, que foi divulgado na terça-feira (22) pela Federação Espanhola de Futebol. Na gravação, pede desculpas.

Logo após a repercussão do beijo, Rubiales minimizou o gesto, alegando se tratar de um "carinho entre amigos" e chamou de "idiotas" os que o haviam criticado. Mais tarde, no entanto, duas ministras espanholas chamaram o beijo forçado de violência sexual, e, na terça-feira (22), o primeiro-ministro espanhol, Pedro Sánchez, também criticou Rubiales.

O dirigente ainda não havia se pronunciado sobre a reportagem até a última atualização desta reportagem.

Posição de Jenni Hermoso

Jenni Hermoso reclamou da atitude durante uma transmissão ao vivo em suas redes sociais logo após a partida, no vestuário. "Eu não gostei", disse.

Mais tarde, no entanto, a Federação Espanhola de Futebol divulgou uma nova declaração de Hermoso, na qual ela disse também que o gesto foi "um ato de carinho entre amigos". Mas a própria jogadora não postou a declaração em suas redes e nem voltou a se pronunciar sobre o caso.

Na segunda-feira (21), Rubiales foi denunciado ao Conselho Superior de Esportes do país, que abrirá uma investigação.




Fonte: Globo.com 

Postar um comentário

0 Comentários

Ad Code

Responsive Advertisement