Ad Code

Grupo de homens armados mantém mãe e filhos reféns durante oito horas na Bahia


Foto: Reprodução/PMBA




Um grupo de homens armados manteve uma mulher e três filhos dela como reféns, durante oito horas, em uma residência no bairro Dom Avelar, em Salvador. Os momentos de tensão teriam começado na noite desse domingo (24), e chegado ao fim apenas na manhã desta segunda-feira (25), quando as vítimas foram resgatadas, e os suspeitos presos.

De acordo com informações do G1, a Polícia Militar da Bahia (PMBA) revelou que os suspeitos invadiram a propriedade por volta das 22h30, após terem trocado tiros com agentes das Rondas Especiais (Rondesp), que os perseguiram.

Enquanto mantinha a família refém, o grupo chegou a transmitir a ação em uma “live” nas redes sociais. O conteúdo da transmissão, no entanto, não foi revelado pela corporação.

Em determinado momento da madrugada, os suspeitos liberaram um adolescente após a chegada de um advogado. A liberação dos outros membros da família, porém, só ocorreu no início da manhã, depois de uma longa negociação com o Batalhão de Operações Especiais (Bope) da PMBA.

Apesar de não ter apresentado ferimentos, a família foi levada para uma unidade de saúde. Com os reféns livres, o grupo, que também estava com drogas, se rendeu.

PRISÃO

Após o resgate, a Polícia Militar prendeu seis suspeitos e apreendeu um adolescente de 16 anos, que também teria participado da ação, segundo relatado por Agnaldo Alves Ceita, tenente-coronel da corporação. Um dos homens usava tornozeleira eletrônica.

O grupo foi levado para a Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Contra a Criança e o Adolescente (Dercca), pois havia menores de idade entre as vítimas, e, posteriormente, serão encaminhados para a Central de Flagrantes.

Ainda de acordo com a Polícia, a operação também resultou na apreensão de, ao menos, três pistolas, munições e aparelhos celulares.

Postar um comentário

0 Comentários

Ad Code

Responsive Advertisement