Ad Code

Italiano que esfaqueou Pablo Marí, zagueiro ex-Flamengo, é condenado a 19 anos de cadeia

 

Foto: Divulgação/Pablo Mari



Andrea Tombolini, de 46 anos, foi condenado pela Justiça de Milão a cumprir pena de 19 anos e quatro meses por ter esfaqueado seis pessoas em um supermercado na região de Assago, na Itália, em outubro de 2022. Dentre as vítimas, estavam o zagueiro Pablo Maríex-Flamengo e atualmente no Monza (ITA), que precisou passar por cirurgia após o ataque. A vítima fatal foi o boliviano Luis Fernando Ruggieri, de 47 anos, que não resistiu ao esfaqueamento e faleceu.

A Justiça também definiu que Tombolini pague uma indenização no valor de 30 mil euros (R$ 155 mil) à família de Ruggieri e outros 15 mil euros (R$ 77 mil) ao restante das vítimas do ataque. De acordo com a defesa, o italiano sofre de distúrbios mentais. No entanto, um laudo psiquiátrico aponto, que mesmo assim, ele consegue compreender os seus atos.

Em seu depoimentos, Tombolini pediu desculpas: "Não sei o que aconteceu comigo". Depois de ter sido preso, ele afirmou que agiu porque “viu todas aquelas pessoas felizes e bem” e “sentiu inveja”. Agora, será analisada a possibilidade de ele entrar na prisão, já que ele cumpria pena, em regime domiciliar, em uma comunidade protegida.


Legenda: Pablo Marí foi esfaqueado em supermercado da Itália. Jogador divulgou foto antes da cirurgia.
Foto: Divulgação/Pablo Marí

PABLO MARÍ

Pablo Marí defendeu o Flamengo no segundo semestre de 2019 e foi campeão da Libertadores e do Campeonato Brasileiro, sob o comando de Jorge Jesus. No Rubro-Negro, foram 30 jogos e três gols marcados.

Em 2020, o atleta se transferiu para o Arsenal, mas foi prejudicado por lesões e não se firmou. Antes de ir para o Monza, Pablo atuou emprestado à Udinese na segunda metade da temporada 2021/22. Atualmente, ele segue no Monza, onde já realizou 36 jogos e marcou um gol.



Fonte: Diário do Nordeste 

Postar um comentário

0 Comentários

Ad Code

Responsive Advertisement