Ad Code

Scanner da Receita Federal identifica corpo humano dentro de contêiner no Porto de Santos

 

Foto: Divulgação/Receita Federal



Um corpo humano ainda não identificado foi encontrado na madrugada desta quinta-feira (14) no Porto de Santos, em São Paulo. O cadáver estava dentro de um contêiner declarado como vazio. Segundo a Receita Federal, o material havia chegado no último dia 10 de setembro, vindo de Tânger, no Marrocos.

Um corpo humano ainda não identificado foi encontrado na madrugada desta quinta-feira (14) no Porto de Santos, em São Paulo. O cadáver estava dentro de um contêiner declarado como vazio. Segundo a Receita Federal, o material havia chegado no último dia 10 de setembro, vindo de Tânger, no Marrocos.

"Ao identificar na imagem que havia algo no interior do contêiner parecendo ser um corpo humano, o terminal portuário avisou a fiscalização aduaneira que, por sua vez, acionou a Polícia Federal e a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)", informa nota da Receita Federal.

Ao abrirem o contêiner, os agentes federais encontraram o corpo humano em “avançado estado de decomposição”. Com a descoberta, a Polícia Federal realizou perícias e outras diligências no local, iniciando um inquérito para aprofundar a investigação do caso.

Diário do Nordeste optou por não divulgar a imagem original do cadáver obtida pelo scanner da Receita Federal. 

FISCALIZAÇÃO DE CONTÊINERES

O escaneamento de contêineres vazios na importação é uma obrigação imposta aos recintos alfandegados por norma da Receita Federal (Portaria ALF/STS nº 119, de 04/10/2022, publicada no DOU em 06/10/2022) com intuito de combater o contrabando e o descaminho.


Fonte: Diário do Nordeste 

Postar um comentário

0 Comentários

Ad Code

Responsive Advertisement