Ad Code

Chacina em Jequié: família de ciganos, incluindo grávida e criança, é morta no interior da Bahia

 

Foto: Reprodução


Seis pessoas de uma mesma família de ciganos foram mortas a tiros em chacina na manhã desta quinta-feira (5) em Jequié, no sudoeste da Bahia. Entre as vítimas, estão uma jovem de 22 anos que estava grávida de nove meses e uma criança de cinco anos. 

Conforme a Polícia Civil da Bahia (PC-BA), já foram iniciadas diligências para investigar o crime, e imagens de segurança do entorno do local da ocorrência já foram coletadas pelos agentes. As informações são do O Globo. 

As vítimas foram dois homens, três mulheres e uma criança. Eles foram identificados como 

Natiele Andrade de Cabral, 22 Anos.

Laiane Andrade Barreto, 5 Anos.

Elismar Cabral Barreto, 23 Anos.

Sulivan Cabral Barreto, 35 Anos.

Maiane Cabral Gomes, 45 Anos.

Lindivoval de Almeida Cabral, 66 Anos.

EXECUÇÃO BÁRBARA

Segundo a tenente da Polícia Militar Isneia Lima, ela "nunca viu uma cena dessas", em sua atuação de 23 anos na corporação e em Jequié; 

"A grávida tinha 22 anos e estava já no fim da gravidez com nove meses. E a criança, de 5 anos, estava sentada numa cadeira, com um tiro no peito. As primeiras informações são de que o crime teria sido provocado por uma briga entre famílias. Mas até agora só foi citado o nome de um suspeito", disse ao O Globo. 

Jequié é considerada a cidade mais violenta do Brasil, segundo a última edição do Anuário Brasileiro de Segurança Pública. A taxa de homicídios no município chega a 88,8 assassinatos por 100 mil habitantes. 

O caso será investigado pela 9ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin).

Postar um comentário

0 Comentários

Ad Code

Responsive Advertisement